Tradução:     

En Espanol

Melanoma Sinais de aviso

O que você precisa saber sobre os primeiros sinais de câncer de pele

Encontrar o melanoma em estágio inicial é crucial; a detecção precoce pode aumentar muito suas chances de cura.

Procure por qualquer coisa novo, mudança or incomum em áreas do corpo expostas e protegidas ao sol. Os melanomas geralmente aparecem nas pernas das mulheres. O primeiro lugar que eles desenvolvem nos homens é o tronco. Tenha em mente, porém, que os melanomas podem surgir em qualquer parte da pele, mesmo em áreas onde o sol não incide.

A maioria das toupeiras, manchas marrons e crescimentos na pele são inofensivos – mas nem sempre. o ABCDEs e a Sinal do patinho feio pode ajudá-lo a detectar o melanoma.

Detecção precoce faz a diferença

99%
Taxa de sobrevivência de 5 ano para pacientes nos EUA cujo melanoma é detectado precocemente. A sobrevida cai para 68% se a doença atingir os gânglios linfáticos e
30% se se espalhar para órgãos distantes.

ABCDEs do melanoma

As cinco primeiras letras do alfabeto são um guia para ajudá-lo a reconhecer os sinais de alerta do melanoma.

A é para assimetria. A maioria dos melanomas é assimétrica. Se você traçar uma linha no meio da lesão, as duas metades não coincidem, então parece diferente de uma toupeira comum redonda para oval e simétrica.

B é para Fronteira. As bordas do melanoma tendem a ser irregulares e podem ter bordas recortadas ou entalhadas. Pintas comuns tendem a ter bordas mais suaves e uniformes.

C é para cor. Várias cores são um sinal de alerta. Enquanto as manchas benignas são geralmente de um único tom de marrom, um melanoma pode ter diferentes tons de marrom, bege ou preto. À medida que cresce, as cores vermelho, branco ou azul também podem aparecer.

D é para Diâmetro ou Escuro. Embora seja ideal detectar um melanoma quando ele é pequeno, é um sinal de alerta se uma lesão for do tamanho de uma borracha de lápis (cerca de 6 mm ou ¼ de polegada de diâmetro) ou maior. Alguns especialistas dizem que é importante procurar qualquer lesão, não importa o tamanho, que seja mais escura que as outras. Cru, melanomas amelanóticos são incolores.

E é para evoluir. Qualquer alteração no tamanho, forma, cor ou elevação de uma mancha na pele, ou qualquer novo sintoma nela, como sangramento, coceira ou formação de crostas, pode ser um sinal de alerta de melanoma.

Se você notar esses sinais e sintomas de alerta, ou ver algo NOVO, MUDANDO ou INCOMUM em sua pele, consulte um dermatologista imediatamente.

sinais de câncer de pele: melanoma assimétricoA é para Assimetria

sinais de câncer de pele: melanoma com borda irregularB é para Fronteira

sinais de câncer de pele: melanoma com coloração não convencionalC é para Cor

sinais de câncer de pele: melanoma escuro com grande diâmetroD é para Diâmetro ou Escuro

sinais de câncer de pele: melanoma evoluindo antes da fotoE é para Evoluindo (Antes)

sinais de câncer de pele: melanoma evoluindo após fotoE é para Evoluindo (Depois de)

Observação: Como nem todos os melanomas têm a mesma aparência, essas fotos servem como uma referência geral para a aparência do melanoma. Se você vir algo NOVO, MUDANDO ou INCOMUM em sua pele, consulte um dermatologista.

Cuidado com o patinho feio

A Patinho feio é outro sinal de alerta de melanoma. Essa estratégia de reconhecimento é baseada no conceito de que a maioria das toupeiras normais em seu corpo se assemelham, enquanto os melanomas se destacam como patinhos feios em comparação. Isso destaca a importância de não apenas verificar irregularidades, mas também comparar qualquer ponto suspeito com toupeiras ao redor para determinar se ele parece diferente de seus vizinhos. Essas lesões de patinho feio podem ser maiores, menores, mais claras ou mais escuras, em comparação com as toupeiras ao redor. Além disso, lesões isoladas sem moles circundantes para comparação são consideradas patinhos feios.

sinais de câncer de pele: sinal de alerta de patinho feio de melanoma

O melanoma pode ser complicado

Identificar um possível câncer de pele não é fácil e nem todos os melanomas seguem as regras. Os melanomas vêm em muitas formas e podem não exibir nenhum dos sinais de alerta típicos.

Também é importante observar que cerca de 20 a 30 por cento dos melanomas se desenvolvem em pintas existentes, enquanto 70 a 80 por cento surgem em pele aparentemente normal.

melanomas amelanóticos estão faltando o pigmento escuro melanina que dá cor à maioria das pintas. melanomas amelanóticos podem ser rosados, avermelhados, brancos, da cor da sua pele ou até mesmo claros e incolores, dificultando seu reconhecimento.

Melanoma lentiginoso acral (ALM), a forma mais comum de melanoma encontrada em pessoas de cor, geralmente aparece em locais difíceis de detectar, inclusive sob as unhas das mãos ou dos pés, nas palmas das mãos ou nas solas dos pés. Ver imagens.

A lição: Esteja atento a qualquer novo toupeira ou sarda que surge em sua pele, uma ferida ou mancha que não cicatriza, qualquer toupeira existente que começa mudança (crescimento, inchaço, coceira) ou qualquer mancha, toupeira ou lesão que pareça incomum.


sinais de câncer de pele: melanoma lentiginoso acralsinais de câncer de pele: melanoma lentiginoso acral
O melanoma lentiginoso acral (ALM) é o melanoma mais comum encontrado em pessoas de cor.

O que você pode fazer

Verifique você mesmo: Não importa o seu risco, examine sua pele da cabeça aos pés uma vez por mês para identificar potenciais cânceres de pele precocemente. Tome nota dos sinais ou lesões existentes que crescem ou mudam. Aprenda a verificar sua pele aqui.

Na dúvida, confira. Como o melanoma pode ser muito perigoso quando avança, siga seus instintos. Visite o seu médico se você vir um ponto que simplesmente não parece certo.

Lembre-se de que, embora importantes, os autoexames mensais não são suficientes. Consulte seu dermatologista pelo menos uma vez por ano para um exame de pele profissional.

Se você teve um melanoma, consulte regularmente o seu médico assim que o tratamento estiver concluído. Atenha-se ao cronograma recomendado pelo seu médico. Isso garante que você identifique qualquer recorrência o mais cedo possível.

Revisados ​​pela:
Allan C. Halpern, MD
Ashfaq A. Marghoob, MD

Ofer Reiter, MD

Ultima atualização: Janeiro 2021

Notícias sobre sol e pele

Faça uma doação
Procure um dermatologista

Produtos recomendados